segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Como arrumar uma namorada em Niterói: e não pense que isso é fácil!

Já falei várias vezes que Niterói é o inferno para pessoas solitárias. Ou se assume sozinho e desiste da busca pela vida amorosa ou cria coragem para se esforçar através das regras impostas pelos costumes locais. E se preparem para a aventura!

Niteroienses, assim como moradores da Região Metropolitana do Rio de Janeiro não são pessoas muito afetuosas. Valorizam excessivamente o consumo e o lazer, por influência de ser uma localidade onde as celebridades mais famosas do Brasil trabalham (eu iria dizer também "moram", mas várias estão fugindo ara Miami, pois o golpe que apoiaram não deixou sobrar nada para elas). Para cariocas e niteroienses, amigo é companheiro de atividades e nada muito além disso.

Isto influencia a vida amorosa na terra de Arariboia, em que as mulheres odeiam paquerar na rua e quem quiser uma namorada tem que seguir algumas regras rígidas impostas pelos costumes sociais. Estranho que há muitas mulheres comprometidas na cidade, o que significa que os homens estão sabendo muito bem seguir as rígidas regras de forma correta, usando macetes que eles não revelam sequer aos parentes e amigos mais íntimos. Conquistar uma niteroiense é um segredo mais secreto que as mais valiosas táticas de guerra.

Mas basicamente só existe três formas de conquistar uma mulher em Niterói. Apenas três. Interesseiras, exigentes e desconfiadas, as mulheres impõem condições um tanto rígidas para se permitir "cair nos braços" de certos homens. Listo aqui quais as únicas condições em que os homens podem conquistar uma niteroiense, lembrando que as mulheres odeiam serem paqueradas em qualquer situação ou lugar.

Amor à segunda, terceira e até centésima, milésima vista

Para uma niteroiense, não existe amor a primeira vista. Um dos modos mais frequentes e mais bem sucedidos de conquistar uma niteroiense é ser visto constantemente e periodicamente pelas mulheres. Como são desconfiadas como todo carioca, as niteroienses só se interessam por algum homem se puder vê-lo com muita frequência e certa regularidade.

Uma tática usada - e a mais usada - pelos homens para conquistar uma niteroiense é criar meios para estar constantemente junto com ela. Trabalho, vizinhança, cursos e academias de ginástica, igrejas ou amigos em comum que realizem encontros constantes são os meios que cerca de 80% dos homens utilizam para conquistar as mulheres. Só sendo extremamente sortudo para usar o acaso como chance de conquista, o que é, cá para nós, bem escassa.

Normalmente homens em Niterói se casam com colegas de faculdade ou de cursos ou por indicação de algum amigo em comum. Para as mulheres niteroienses, isso garante - de forma relativa, segundo os fatos - uma certa confiabilidade no pretendente. Mesmo que isso signifique se unir a caras chatos (chatos fazem muito sucesso entre as mulheres, não sei porquê), as mulheres acreditam que pelo menos eles não agirão como um estuprador ou um agressor, além de garantir dinheiro e diversão que elas tanto desejam.

Dance bem, dance mal, dance sem parar

Há lugares específicos para paquera em Niterói, não tão democráticos como por exemplo, em Salvador, onde a sociabilização é mais estimulada. Experimente digitar no site de busca "Niterói + Paquera" e vai perceber que apenas bares, boates, festas e afins são lugares onde se pode tentar conquistar uma mulher que não se conhece.

Mulheres acham mais seguro paquerar em lugares deste tipo, mesmo se arriscando na possibilidade de conhecer algum homem mal intencionado. Pesquisas mostram que boa parte dos crimes passionais acontecem em casais formados em bares ou boates, o que indicam que homens mal intencionados geralmente vão a estes lugares em busca de suas "presas".

Mesmo assim, as mulheres niteroienses preferem estes lugares pelo "clima" que favorece a paquera. Estranhamente não acham adequado paquerar em bibliotecas, por exemplo, mesmo que a chance de achar um homem ideal para companheiro seja mais alta do que em boates. Mas mulheres não são estimuladas para serem racionais em suas decisões e a preferência por paqueras que ocorram em bares boates e festas é consagrada nas regras sociais e ainda continua.

O maravilhoso Universo Paralelo das redes sociais

A terceira forma de tentar arrumar uma namorada niteroiense é por meio de redes sociais, sobretudo em redes específicas para paquera coo o Tinder e o Bumble. Por razões óbvias é um meio ideal para se conhecer alguém, já que quem entra está disposto a paquerar.

As redes sociais, por oferecer a chance de se conhecer alguém antes do contato presencial, dã uma certa segurança, embora não seja raro ver pessoas mentindo nos seus perfis e mensagens. Mas por ser direcionado intencionalmente às paqueras, as redes sociais específicas e comunidades de namoro parecem uma boa oportunidade.

São estas as três únicas chances de arrumar uma namorada em Niterói. Claro que um povo exigente e que se inspira nas abastadas celebridades para criar as suas regras sociais nunca irá facilitar as coisas para que o clima de conto de fadas midiático seja eliminado do mundo real, não acham?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.